Futebol Seniores

PARTILHE AS SUAS FOTOS [arquivos@portimonense.pt]

A conquista do primeiro troféu

Em 1925, o jornal “Sul Desportivo” homenageou o seu fundador (Miguel Cruz), com a realização da “Taça Miguel Cruz” num torneio disputado pelos clubes do Barlavento algarvio do qual saiu vencedor o Portimonense Sporting Clube sobre o Silves Futebol Clube, numa finalíssima, disputada em Faro.

Apesar de frequentes as pelejas entre os rivais barlaventinos esta era a primeira vez que um distinto troféu era disputado apenas entre clubes da região, era a oportunidade de se atingir algum protagonismo a nível do futebol algarvio.

O torneio centrou as suas eliminatórias nas três cidades, com as eliminatórias a serem disputadas em Portimão (Glória Morte vs Portimonense), Silves (Silves  FC vs SC os Leões) e Lagos (SL Lagos vs Esp. Lagos).

Segundo consta, ficou predeterminado que o Portimonense em caso de vitória e na qualidade de Campeão do Barlavento passaria diretamente à final a disputar em Silves, enquanto os vencedores dos jogos das cidades de Silves e Lagos disputariam uma meia-final em Portimão para encontrar o segundo finalista. Ou por outro lado tenha sido tirado à sorte segundo o regulamento:

Se bem que a primeira fase da prova tenha corrido sem problemas de maior, o jogo de desempate da meia-final e a própria final trouxeram ao de cima toda a rivalidade entre os adeptos dos clubes em disputa e mesmo entre as diversas cidades.

PRIMEIRA JORNADA

14/6/1925: Silves  FC 3 - SC Leões 0 (Silves)
14/6/1925: Glória Morte 1 - Portimonense 3 (Portimão)
14/6/1925: SL Lagos 1 - Esp. Lagos 3 (Lagos)

 

MEIA-FINAL

Meia Final:  Em Portimão
15/6/1925: Esp. Lagos 1- Silves  FC 1 (Após prolongamento)

 

MEIA-FINAL
(Jogo de desempate)

Meia Final: Jogo de desempate  Em Portimão
21/6/1925: Esp. Lagos 2- Silves  FC 4

 

Com a surpreendente vitória do Silves FC sobre o Esp. Lagos e com a final marcada para a cidade de Silves, o Portimonense levantou a questão da final dever ser jogada em campo neutro e não no campo de um dos finalistas 
 
Com os responsáveis da equipa de Silves a colocarem fora de questão a final em Lagos face aos problemas entre apoiantes no jogo da meia final frente ao Esperança e o Portimonense a não aceitar deslocar-se a Olhão ou a Faro para fazer o jogo optou-se por um sorteio entre as cidades de Silves e Portimão, caindo em sorte a cidade de Silves.

 

FINAL
(05/07/1925 em Silves) 
Silves 1 - Portimonense 2 

(jogo interrompido aos 70 minutos)

Depois de uma final muito conturbada que não chegou ao fim (ver artigo em cima), à noite na sede do Silves FC, a direcção do jornal "Sul Desportivo" com o acordo dos dois clubes envolvidos, decidiram que se realizasse posteriormente uma finalíssima em Faro.  


 

Finalíssima


(Jornal O Algarve 19/07/1925) 
(19-07-1925 Santo Stadium em Faro) 

Portimonense 1 - Silves FC 0 


 

Com Salozabal a treinador os alvinegros em 1924/25 além da conquista da Taça Miguel Cruz alcançaram também pela primeira vez a final da Taça Algarve e a final do Campeonato Distrital, perdendo ambas frente ao poderoso Olhanense, Campeão de Portugal na temporada anterior (clique para mais informação).

Webgrafia:
www.facebook.com
hemeroteca.ualg.pt
hemerotecadigital.cm-lisboa.pt
e94892a3-e20f-4461-ac79-066f83edbaa8.filesusr.com
      Mais artigos de 1924/1925
      Plantel Seniores de 1924/1925
Deixe um comentário no Grupo de Facebook
ou envie para arquivos@portimonense.pt
 
396